UAST: Biblioteca com Infiltração

Já pensou chegar em uma biblioteca e todos os livros estarem molhados? Isso não aconteceu, na UAST, porque lonas foram colocadas sobre as estantes.

O teto está cheio de infiltrações, vale ressaltar que não é a primeira vez que isso acontece, o que pode prejudicar todo o material de estudo exposto. Enquanto isso, a construção da nova biblioteca, aparentemente semi-pronta, não tem prazo de término garantido.

Houve a solicitação do relatório do andamento das obras e nada nos foi entregue além da afirmação: "as obras estão dentro do prazo". É difícil para os alunos, principalmente os que estão terminando
os seus cursos, ouvir que nada está pronto para uso.

E o pior: desde novembro há a discussão de corte de 25% em todos os setores da Universidade, fato que é encoberto no dia a dia acadêmico. Se esse corte for aprovado serão mais problemas e, provavelmente,
retrocessos que afetarão, por exemplo, a nossa frota de ônibus.

Temos que ficar de olho e cobrar resposta da Universidade para o corte nacional de verbas. E no momento certo, juntarmos forças para enfrentá-lo.

Compartilhe!